Marketplace: Vantagens e Desvantagens

Você sabe o que é Marketplace? Sabe quais são as ventagens desse modelo de vendas? E as desvantagens? Pois é o que falaremos nesse post.
Para começar, desejamos que você entenda que o marketplace é uma ferramenta muito importante para alavancar as vendas de um negócio. Porém, sem saber o necessário sobre essa ferramenta, você pode ter muitos surpresas negativas.
Por isso, criamos esse post para ajudar você a entender melhor como usar e se o marketplace é para você. E como sempre, para qualquer dúvida você só precisa entrar em contato conosco.

O que significa Marketplace?

Marketplace é, em contraste com o modelo de e-commerce tradicional, uma plataforma em que várias empresas oferecem seus produtos, algumas vezes o mesmo produto, com seu preço comercial.
Isso permite que um consumidor possa achar o preço de diferentes lojas a partir de apenas uma, como um shopping center virtual, o que economiza tempo e permite que muitas lojas possam oferecer seus produtos de uma vez.
Existem muitas plataformas disponíveis para a oferta de produtos nessa modalidade e os interessados devem fazer um cadastro nessas plataformas visando a oferta dos seus produtos.
Em troca das vantagens possibilitadas pelo marketplace, incluindo a estrutura e marketing, o lojista paga uma comissão pelas vendas realizadas.

E-Book Grátis

Considerações sobre o Marketplace

Para ter o seu próprio site, alguns custos associados são necessários. Se a sua loja não é grande, uma hospedagem convencional pode ser suficiente, mas quando falamos de sites com maior volume de acessos, pode ser necessário uma estrutura maior com um ou mais servidores, traduzindo-se em custos muito maiores de manutenção.
Além disso, para o seu site você precisará de domínio, plataforma de venda (o tipo de loja que irá escolher) e todos os custos associados com mrketing são seus.
Nesse caso, o marketplace permite que você se livre desses custos diretos, ao terceirizar o serviço. Além disso, se considerarmos uma competição entre empresas do mesmo ramo, podemos considerar as empresas mais estabelecidas como em vantagem no mercado.
Nesse caso, em um cenário virtual a empresa mais conhecida tende a ter maior volume de vendas e as menores sofrendo com uma confiança menor por parte dos consumidores.
A ideia do marketplace é reduzir essa desvantagem, oferecendo a essas empresas menos conhecidas a chance de se estabelecer no mercado em condições próximas às outras maiores.

Vantagens do modelo

O modelo já é muito utilizado há anos na internet e vem se popularizado cada vez mais. E isso permite a empresas vantagens em relação a ter apenas a loja própria para a oferta de produtos.

Redução de custos

Como falamos anteriormente sobre a questão de custos operacionais de manter uma grande loja virtual, o marketplace permite que você reduza a quantidade de custos que você tem na manuteção de sua loja virtual. Além disso, os custos com marketing são assumidos pela plataforma, o que permite que você venda sem nenhum custo associado além da comissão cobrada pelo site.
Portanto, uma das principais vantagens desse modelo é a redução de custos associadas com o site e com o marketing, além de, em alguns casos, custos com a estrutura logística.

Seu negócio pode crescer mais rapidamente

Dependendo de como você dirigir o seu negócio, mesmo no marketplace, você pode tomar medidas para que os seus clientes conheçam a sua loja online e assim reduzir ainda mais seus custos, ao atrair clientes para a sua loja virtual e não ter que pagar novas comissões ao marketplace.
Você também estará disponível para milhões de consumidores que, fora o marketplace, nunca conheceriam a sua loja. Isso pode ajudar você a aumentar a gama de produtos oferecidos e relizar um número de vendas que não seria possível do modo tradicional.
Assim, seu negócio tende a crescer de forma muito mais rápida e atingir maior visibilidade e lucros. Dessa forma, você terá maior estímulo para expandir o seu negócio e oferecer ainda mais para os seus clientes.

Referências ao seu site

Como o seu produto será indexado pelos motores de busca com o nome de sua loja associado ao de um grande site, consequentemente o seu negócio passará a ter maior autoridade, permitindo que você também possa colher frutos em seu e-commerce.
Essa otimização indireta funciona tão bem quanto as melhores práticas de SEO do mercado, ainda permitindo uma melhora no ranqueamento da sua página. Assim, você deve experimentar um aumento no número de visitantes do seu site e possivelmente, das vendas.

Visibilidade

Como já falamos, o aumento da visibilidade da sua empresa tende a torná-la mais conhecida do seu público. Claro que, isso também pode ser uma desvantagem caso o seu nível de serviço não seja bom.
Porém, ao estar sendo anunciado em um site com milhões de visitantes diários, a tendência é que o nome da sua empresa comece a ser conhecido e, a depender dos comentários de clientes, a sua reputação tende a crescer.
Um dos maiores expoentes do marketplace, sendo também uma das mais antigas companhias a oferecer o serviço é o Mercado Livre, líder do segmento. Com o ML você pode oferecer os seus produtos e construir a sua marca através da reputação e comentários sobre o vendedor. Assim a sua empresa se torna cada vez mais conhecida e a chance de ser indicado por um consumidor é maior.
Como ainda assim existem muitos problemas associados a vendas fraudulentas nesses sites, você contruindo a reputação de vendedor confiável tende a ser um refúgio dos consumidores podendo inclusive “cobrar” por isso. Vendedores mais confiáveis tendem a oferecer os seus produtos mais caros pela certeza do atendimento.

Aumento das suas vendas

Por oferecer uma oportunidade de ouro para empresas pequenas desejosas de se estabelecer no mercado, o marketplace é uma ferramenta incomparável.
Ao agregarem à sua audiência dezenas de milhões de novos potenciais consumidores, utilizar o marketplace como um estratégia para aumento das vendas do seu negócio é importante para o crescimento de todo o seu projeto.
Alguns sites de empresas muito conhecidas no mercado, como Extra, Casas Bahia e Magazine Luiza também possuem plataformas de marketplace.
No caso desses sites, ao pesquisar um produto o cliente pode escolher entre as diversas opções oferecidas, incluindo a sua e assim escolher o que melhor lhe convier.
Quando um cliente procura uma categoria de produto que você oferece, mesmo que seja uma marca jovem, o marketplace o põe em pé de igualdade com marcas mais reconhecidas do mercado, permitindo que você conquiste mais consumidores sem necessariamente ter que desenbolsar mais dinheiro para se estabelecer.

Desvantagens do Marketplace

Assim como embute vantagens para o seu negócio, o marketplace também apresenta algumas desvantagens que precisam ser consideradas na hora de decidir o negócio.

Redução da identidade da marca

Infelizmente, quando um cliente compra um produto em um marketplace, ele está primariamente comprando no Mercado Livre, no Magazine Luiza ou na Americanas.com.
Isso reduz o tamanho da identidade da sua marca, necessitando de um trabalho mais forte da sua parte para deixar a sua marca na mente do consumidor.
Por isso, recomendamos que você deixa notas de agradecimento pelas compras endereçadas pessoalmente ao consumidor dentro da embalagem. Isso transmite confiança e proximidade. Inclua a sua loja virtual e o cliente pode procurar em sua loja da próxima vez que for comprar algum produto.

Depender da plataforma para vendas

Outra desvantagem bastante comum é quando você passa a depender cada vez mais da pataforma para realizar as suas vendas.
Isso significa que se a plataforma em questão deixar de oferecer os seus serviços o seu negócio pode ir à falência.
A mudança de termos de serviço que envolvam aumento das obrigações financeiras, como aumento de comissões, taxas de serviço e obrigatoriedades, podem dificultar a continuidade dos seus negócios e reduzir a margem de lucro.

Competição acirrada

Outro problema muito comum é uma competição acirrada dentro da plataforma pelo menor preço oferecido.
Isso pode ser prejudicial em duas situações:
1. Se o seu negócio está inserido em um segmento de grande competição, a guerra por preços pode obrigar você a oferecer preços cada vez mais baixos, ferindo seus lucros e até trazendo prejuízos, caso a margem do produto seja baixa.
2. Caso as comissões dos produtos seja muito alta, a depender da plataforma, você não terá muita margem para oferecer descontos, ficando em desvantagem com outros lojistas que possam oferecer produtos com valores mais baixos.

Conclusão

A verdade é que a decisão de entrar em um programa de marketplace é estritamente sua. Como é uma decisão muito importante, ela pode significar um grande avanço para a sua empresa e a sua estratégia.
Porém, se feito de maneira errada, seu negócio pode ser prejudicado por algumas dificuldades que podem surgir no caminho. Principalmente porque certos segmentos não são tão bem sucedidos dentro dessas plataformas.
Por isso, o que podemos recomendar é que você estude o marketplace e o seu segmento para saber se realmente vale a pena. Ausência de concorrência pode significar oportunidade ou o fracasso de outros.
Ter um e-commerce e combiná-lo a um marketplace pode ser uma estratégia ainda melhor para conseguir capturar alguns clientes para o seu site. Isso vai livrá-lo de comissões e pode permitir que você pratique preços ainda mais competitivos, além de construir a sua marca.
Oferecemos consultoria para quem deseja criar um e-commerce ou deseja expandir a sua marca na internet. Caso você deseje saber como alavancar o seu negócio e suas vendas, clique no botão abaixo para falar com um de nossos consultores.

Deixe um comentário